domingo, 4 de julho de 2010

Sonhos


"Todos sonhamos, aos poucos acordamos?..."

Supérfluos e confusos
Limitados ao exagero,
Entregues ao passado,
Levemente incomodados;

Os sonhos me perturbam,
Digo lhes palavras duras,
O meu mundo é superficial,
Sinto me totalmente desigual.

Na maioria dos sonhos viajamos,
Vivemos escondidos e desiludidos,
Vagamos plenamente adormecidos,
Nas angustias destes dias...

Temendo por suposições, analogias

Opositoras do ser sonambulico,
Observe os calafrios que terás
Ao acordar para ver o Sol raiar.

Enquanto tuas lembranças
Vão sumindo devagar,
Não se recordará do paraíso
Em que permanecestes.

Pensar nos teus sonhos será
Para ti algo deveras extasiante,
Tranquilizando seus temores
E erradicando suas dores.

2 comentários:

  1. Ficou muito bom esse novo layout... ;*

    Porque tu sumiu?

    ResponderExcluir
  2. vivo de sonhos - minha maiore melhor realidade...
    abs

    ResponderExcluir

Não se acanhe e comente!